09 julho, 2007

José Derroteiro


Nos primeiros tempos de existência deste mui nobre blog, não raras vezes realçámos a capacidade de Luis Campos para envergonhar os adeptos da equipa que orientava, com consecutivas descidas de divisão e consequente despedimento. Porém, o nosso coração é suficientemente grande para albergar também, e na mesma medida, um talento emergente que, jogo após jogo, cimenta a sua posição no Hall of Fame onde figuram "Campas", Peseiro ou Rui Águas(agora na formação do Benfica e ex-péssimo mijeter). A derrota com a Gâmbia é digna de provocar uma sensação orgásmica num coleccionador de tesourinhos deprimentos do futebol português.
Porém, é preciso referir que, em 2005, a Gâmbia organizou e venceu o Campeonato Africano de Selecções Sub-17. Assim sendo, suponho que o título tenha sido conquistado pelos actuais sub-20, o que ameniza um pouco o caricato desta mítica derrota. É claro que também não a desculpa e, deste modo, acumulam-se os sintomas de podridão na secção de formação de FPF (desde os JO de Sydney a protagonizar tristes espectáculos).

3 Comments:

At 8:15 da tarde, Blogger Mats Jagunço said...

Eu gostava era de saber quem foi o intelijumento que mudou o treinador desta equipa antes do mundial. Mas percebe-se... Já não perdia há meses e isso não podia ser. Então, sem dúvida, escolheram a melhor opção!
Eu só pergunto: o gajo consegue estar em dois lados ao mesmo tempo? É que estava com a selecção sub-21 num lado e esta de sub-20 já estava em estágio noutro! Nem o Luís de Matos catano!

 
At 2:19 da tarde, Blogger ultraMN said...

http://febra-e-bola.blogspot.com/

 
At 4:07 da tarde, Anonymous Heidi Klumpf said...

Porque será que todos os apelidos que acabam em eiro, estilo peseiro, couceiro são sinónimo de incompetência ? haja paciência...

 

Enviar um comentário

<< Home